A Arte, em ser, família

 Fazer lindos desenhos ou pequenos rabiscos, amassar argila em bolinhas e minhocas ou fazer uma linda escultura? Usar as cores, riscar, pintar ou desenhar… são todas formas de se expressar, livre e espontaneamente, sem restrições estéticas ou julgamentos, críticas ao belo ou a subjetividade conceitual, do bonito ou feio, certo ou errado, dentro ou fora, forte ou fraco e o que mais vier.

Estar numa roda e dançar, curtir uma música e permitir-se estar presente, se deliciando com a arte, criando um brilhante espaço de tempo apropriado ao ser, e, ser em família.

Família que pode aproveitar da experiência inigualável de se expressar artisticamente, entrando na mesma sintonia e prazer de vivenciar as cores da vida, brincando com as lembranças do dia a dia, contagiando cada um com suas criações ou simplesmente, sua participação, ou melhor, sua presença.

Integrar as energias, exercitar a empatia, aproveitar alegria de estar em um ambiente de pureza e simplicidade. Participar e permitir que a criatividade possa aflorar e a emoção possa tocar a cada um, nessa troca sensível da arte.

Sentir-se leve e inspirado, trazer pra sua memória e pro seu coração momentos de rara beleza interior, num sorriso trocado e um olhar espelhado de amor. É criar a alegria e cultivar a sinergia de estarem ali, presentes e em família.

E para estimular e explorar as descobertas da arte, inspirada pelo tema, deixo abaixo um poema, que toque a todos sem dilema:

E também nessa forma de arte,

que escrevo a minha parte,

deixo com carinho um “starte”,

que tenhas sempre uma lembrança de compor,

no dia a dia com amor,

dar luz e cor,

na vida que com ardor,

buscam um lugar acolhedor,

para aliviar a sua dor.

 

É sentar ao chão,

deixar que o papel em branco chame a atenção,

e as cores façam da emoção,

um grande momento que a paixão,

realize sua função,

de dar imagem ao coração,

que sem nenhuma presunção,

põe nas mãos do artesão,

sua linda expressão,

um sorriso e um coração.

 

E que nesse universo,

onde traduzo minha emoção em verso,

que humildemente lhe peço,

ache um tempo pro acesso,

de que a arte seja mais que um processo,

onde tudo tem ingresso,

e ao coração tem regresso,

tão bonito que podemos ser

não deixar apenas sobreviver,

o que o automatismo nos oferecer,

na corrida do tempo esquecer,

que no sorriso do outro é que podemos ver,

e na família nos fortalecer,

e na pureza da alma crescer,

na coragem, compromisso, confiança e assim saber,

que com a arte podemos estabelecer,

um caminho a enriquecer,

e mais felizes viver!  

Assim foi o Momento Família: Integração através da arte que aconteceu no Evolvere no último dia 01 de julho, mediado pela nossa Arteterapeuta Patricia Feijó Evangelista Winck. A proposta foi promover uma tarde integrativa e divertida, com pais e filhos. O resultado desse momento vocês podem conferir nas fotos abaixo.

Compartilhe isso:Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *